Lust for life

Leia sempre o texto Lust for life, que é nosso primeiro post, antes de participar.

domingo, janeiro 13, 2008

Você esqueceu das coisas que rimos pelo caminho. Dos dias em que atraplhei suas lágrimas, suas noites de solidão. Me lembro que sempre quando íamos nos encotrar, você ria, gargalhava... e, quando nossos corpos então se encontravam num longo abraço, eu te perguntava se eu tinha cara de palhaço. "Nâo tens, é seu jeito de me ver à distância que me faz sorrir..." Parecia que o inverno nunca nos atingia. Que as noticias eram pequenos motes para novos poemas... Como fostes esquecer das inúmeras vezes que roubava de minha gaveta meus poemas, os mais bestas, aqueles que fiz para você sem mesmo saber da sua existência, ou que um dia você existiria em mim?

1 Comments:

Postar um comentário

<< Home